terça-feira, 31 de janeiro de 2012

POR TI AMADO


                                      
                                                      Fotografado por Tiago Soares


Sei que você é minha vida...
Sei que você é meu amor...
Não renegue esse sentimento,
Não me cause essa imensa dor.
Ama-me, escute o que teu subconsciente diz.
Sei o que ele diz...
Que serás feliz ao meu lado...
Feliz ao lado de uma pessoa que te ama,
E sonha por ti, ser amado.

Marcos Souza

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

DEPENDENTE DO AMOR





Amar e ser amado é gratificante, radiante, fascinante é glorificador...
Amar sem ser amado é intolerante, sufocante, cruel, desesperador...
Por isso digo-lhe:
Se quiseres que fique ao teu lado... lembre-se:
Sou um homem romântico dependente do seu amor.

Marcos Souza

domingo, 22 de janeiro de 2012

SIGA O SEU CAMINHO






“A imobilidade, em lugar de ser uma força, torna-se causa de fraqueza e ruina para os que não seguem o movimento geral.
 Rompe a unidade, porque  os que desejam ir para frente separam-se dos que se obstinaram em ficar para trás”.

      Allan Kardec

MENSAGEM DE FÉ




“Em verdade vos digo: aquele que crê em mim fará também as obras que faço e fará outras ainda maiores.”

                                                            Jesus ( João 14:12) 

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

SEMENTE DO AMOR





Quando estender tua mão ao próximo, jamais pense que esta mesma mão que você amparou, será estendida a ti  quando precisares.
Estenda tua mão, sem a ambição de colocar mais um bloco de cimento em teu alicerce; pois o dia que precisares dela, ela pode faltar-lhe.
Não faça o bem especificamente, em troca de receber o bem.
Plante o bem, regue-o com carinho, como regasse uma semente de amor; pois um dia a árvore crescerá e, lhe dará muitos frutos... uns bons, alguns outros nem tanto e ainda outros frutos podres.
Os frutos bons são logo aproveitados.
Os frutos não tão bons, com alguns ajustes, tornam-se bons.
Os frutos podres, apesar da aparência, poderemos aproveitar a semente e replanta-las, para num breve futuro, colhermos  algo satisfatório.


                                                              Marcos Souza

quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

CONSELHOS ÚTEIS







Quando reagimos pacificamente às provocações, podemos mais rapidamente ficar livres das tensões por elas geradas. É tempo de agir com delicadeza para amenizar os ânimos quando estes se encontram exaltados.

Para que não se perca no fluxo de emoções incontroláveis, é preciso que estabeleça limites tanto para si quanto para os outros. É tempo de resistir às provocações, deixando que a tensão se dilua naturalmente.

Quando os padrões de exigência ultrapassam o limite do razoável, o mais provável é que caminhe rapidamente para a exaustão, reduzindo sua capacidade de produção. É tempo de entender que todos nós temos limites e que o melhor é que sejam respeitados.

O maior cuidado que devemos ter na vida é o de viver bem, com qualidade, e, para isso, é preciso incluir necessariamente os prazeres, cultivando a sensibilidade para tornar a vida mais agradável. É tempo de conhecer a medida certa entre obrigação e o lazer.


                                                                 Cláudia Lisboa

sábado, 7 de janeiro de 2012

REINO DE DEUS




Não deseje para o outro, aquilo que não deseja para si.
Não seja uma pessoa que só pensa em seus interesses.
Não seja uma pessoa intransigente, que não aceita a pessoa como ela é.
Não seja rancoroso, guardando mágoa em teu coração.
Não feche os olhos para o sofrimento de um ser vivo.
Não odeie, para não ser odiado.
Não Julgue, para não ser julgado.
Seja justo, amoroso, caridoso, compreensivo, misericordioso... e terás assegurado o passaporte para viajar, para o reino de Deus.

                                                           Marcos Souza

PENSE...



          "As revelações humanas servem para a auto-revelação, não para a auto-satisfação. As pessoas, especialmente  os  verdadeiros  amigos, são  espelhos  nos  quais  começamos  a descobrir-nos."

                                                             H. J. Weeklley

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

SONHO SONHADO


Vi você ao meu lado, belisquei-me para ver se estava acordado.
E você insistentemente continuava ao meu lado.
Nada falavas, apenas sorria... 
Um sorriso inocente, verdadeiro, contagiante, puro...
Pensava nas incontáveis noites que sonhei com algo, que muito queria na realidade.
No próprio sonho despertava, achando que era verdade.
Não, não era, era apenas mais uma fictícia crueldade.
Agora não, agora é verdade!
Estou sentindo o olor de teu corpo, sentindo o calor de tuas mãos.
Enxergando você ao meu lado e escutando as batidas de teu coração.
Só faltava mais um dos cinco sentidos para ratificar,
Que era tudo verdade: o paladar.
Mas quando fui beija-la, para convencer-me que não estava errado, despertei...
Era mais um sonho sonhado.

Marcos Souza

Vocabulário
Olor: s.m. Poética Aroma, cheiro, fragância


quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

PERDAS





    Não é fácil perder algo ou alguém, não é mesmo?
    A nossa  educação  materialista  não  nos  prepara  para  isso. A competição, a  busca  desenfreada  pelo prazer a todo custo, o anseio pelo “parecer” e o não pelo “ser” acabam por nos tornar parte disso tudo que desejamos e fazemos. As perdas, no entanto, fazem parte da  vida, e é  preciso  aprender  a  conviver  com elas. Se possível, prevê-las e entender o que elas posem oferecer.
    Há perdas importantes  e  que  demoramos  a  absorver: um  grande  amor, um ente querido, uma grande oportunidade, um bom negócio, etc.
    Há perdas das quais  nem  sempre  nos  damos conta: de peso, de dinheiro, de um objeto, de tempo, da vergonha, do humor, etc.
    Toda perda representa  um  ganho  de  qualquer  natureza. Traz consigo  uma experiência e um convite à reflexão.
    Quando  podamos uma  árvore  na  época  certa, ela  ganha  mais força e vitalidade; a lagarta perde seu corpo, ganha asas e cor, tornando-se a alada borboleta; a criança  também  perde os dentes mais frágeis e que eram provisórios, para que nasçam os mais resistentes e definitivos.
    Se perdemos algo que desejávamos  muito, em  plena luta para  consegui-lo, aguardemos  confiantes. A vida há de nos proporcionar  algo  ainda  melhor  e  mais  de  acordo  com o nosso merecimento e a nossa necessidade.
    Não  há  perca  o  que  legitimamente  possui. O que se  tem torna-se  aquisição  patrimônio   intimo  do possuidor. O que se perde é o que em verdade nunca se possui. Não nos pertencia, pertencia à  vida e ela resolveu levar de volta aquilo que um dia nos emprestou.
    Por isso nossa felicidade  não deve  ser  centrada  em  alguém, num  lugar, numa  situação; ela  deve  se alicerçar em nós mesmos, em  nossos  projetos   pessoais, que dependem principalmente da nossa própria vontade e determinação.
    Se insistimos em transferir para terceiros a responsabilidade de nossos ganhos e êxitos, acabaremos por nos perder, o que é bem mais complexo do que perder alguma coisa.
    A perda anuncia a chegada de um outro  estado de coisa. E precisamos nos abrir para o que a vida nos envia em substituição ao que ela levou.
    Ainda que  as perdas aconteçam  com  certa frequência em nosso caminho, saibamos resistir à perda de alegria, de  esperança e da fé, pois com  elas reaprenderemos a buscar, a tentar novamente e a não desistir tão facilmente daquilo que é a razão maior da nossa vida: a busca, a construção e a conquista da felicidade.



                                                           Cesar Braga Said

DIGNIDADE





          Seja verdadeiro, exponha teu pensamento, sentimento, quem tu és.
          Vivendo dessa maneira, farás com que todos conheçam quem tu és de verdade, te conhecerão por dentro, pela tua alma.
          Nada nessa vida levamos, ao contrário, só deixamos, e as melhores coisas que podemos deixar é o respeito, amizade, saudade e principalmente dignidade...
          Então seja digno para ser merecedor de todos melhores adjetivos que um ser humano possa deixar após sua “partida”.


                                                         Marcos Souza

terça-feira, 3 de janeiro de 2012

IDADE





          
Não transforme sua idade num obstáculo para a realização de seus sonhos.
É natural que alguns projetos, pelas características que possuem, sejam mais fáceis ou difíceis de serem concretizadas em razão da idade cronológica e da vitalidade de alguém.
Apesar disso, a idade não é impedimento, ela é até um facilitador.
Há jovens arrojados e amadurecidos que não se deixam vencer pela falta de experiência. Há pessoas com idade avançada que realizam verdadeiros prodígios.
Use os tesouros que o tempo fez com que acumulasse para agir com sabedoria, para orientar os que parecem perdidos, para realizar o que somente agora se torna possível, com a experiência e visão que você adquiriu.
Esclareça os mais jovens sem censura.
Comente os assuntos sem azedume.
Compare e recorde seus feitos sem ironia ou soberba.
Há experiências que você não tem e conhecimentos que, ainda, não adquiriu, da mesma forma que outros podem não possuir o que você já conquistou.
Diga caminhando, aberto para viver novos projetos, ir a lugares desconhecidos, ler novos livros, reconciliar-se com algum desafeto e vivenciar agradáveis novidades.
Quando deixarmos de sonhar começamos a envelhecer.
Quem ama é sempre jovem. O amor nos leva a superação de nós mesmos, das coisas pequenas que nos aborrecem. Com ele tudo é possível, independente da idade. Sem ele nada é possível, apesar da idade.


                                            (Cezar  Braga Said)



domingo, 1 de janeiro de 2012

DANÇA DO AMOR





O tempo está nublado e meu coração bate descompassado...
Não sei qual o motivo ou razão,  pra tanta aflição.
Sei que te quero, sei que sou querido...
Então pra que preocupar-me...  isso não faz sentido.
Você chega e o sol começa a surgir, afastando as nuvens daquele dia embasado.
Meu coração volta ao normal, batendo em ritmo compassado...
Como se embalado por uma música, feita pra um casal apaixonado.

Marcos Souza